Teste na BGS: Need for Speed Payback


Um dos jogos mais concorridos no estande da no primeiro dia do evento foi o inédito , que tem uma demo extensa na Brasil Game Show 2017, com dois modos de jogo. Com poucos minutos, você percebe como a trabalhou bem a sensação de velocidade e imersão neste game.

Veja também: Testamos Dragon Ball FighterZ na BGS 2017

Por ser um game produzido pela Ghost Games, você perceber na hora as semelhanças com a série Burnout (também desenvolvida por eles), principalmente quando há as colisões e os carros adversários voam em câmera lenta. Neste momento, e você deve ter visto nos trailers, a retomada para o volante faz você perder um pouco o rumo na pista quando volta para a ação.

Need for Speed Payback

Os trechos de gameplay foram escolhidos a dedo para impressionar o público que for na . Lembra no trailer quando você os protagonistas perseguem um caminhão para roubar um carro que está dentro dele, e quando conseguem fazer isso, a câmera troca de um veículo para o outro? É essa cena. A outa parte da cena é uma simples corrida do ponto A ao B com oito pilotos na pista.

Infelizmente, a Warner Games não permitiu fotos ou gravação em vídeo especificamente deste jogo da Electronic Arts, mas se você assistir ao trailer abaixo (lançado na E3 2017), entenderá de qual sequência estou falando. A perseguição em si é realmente alucinante e divertida. Entretanto, em nenhum momento os carros que estão protegendo o caminhão representam uma real ameaça. A maior dificuldade aqui é o tempo para completar a missão.

Em certo momento da perseguição, você terá que desviar de carros parados, capotados e barris de óleo pegando fogo no meio da pista, o que adicionou mais um elemento de tensão ao jogo. Jogar em uma tela grande será fundamental para ter uma experiência mais imersiva, pois enquanto você está acelerando, existem outras coisas acontecendo ao seu redor na estrada, como carros voando por todo lado no melhor estilo hollywoodiano, por exemplo.

Sei que Need for Speed Payback é uma experiência totalmente arcade, mas me incomodou um pouco o fato da direção não se alterar se você está pilotando na pista ou na terra. De fato, este foi o único aspecto que me chamou a atenção negativamente. Pois todo o resto só me fez querer mais jogar este game.

De acordo com a descrição oficial, “Esta aventura explosiva é repleta de missões intensas, batalhas entre os carros em alta velocidade, perseguições policiais épicas e conjuntos de peças de cair o queixo. terá uma jogabilidade blockbuster nunca antes vista na série, alimentada por uma emocionante história de traição e vingança”. O título será lançado para PS4, XOne e PC no dia 10 de novembro.

Pedro Cardoso

Carioca, jornalista e apaixonado por games, cinema e esporte. Jogo videogame desde o Atari.