Review: Naruto: Ultimate Ninja Storm 4

O Shippuden: Ultimate Ninja Storm 4 é aquele típico game que dificilmente vai despertar interesse em quem não assiste ao anime, quem não está envolvido com o personagem e suas aventuras. Mas isso não faz dele um jogo ruim, pelo contrário. Ele é dinâmico, divertido e possui gráficos poderosos.

Veja também: Porque você deve assistir Samurai Flamenco

O game foi desenvolvido pela CyberConnect2 e é distribuído pela Bandai-Namco desde 4 de fevereiro de 2016, data de seu lançamento no Japão. Naruto Shippuden: Ultimate Ninja Storm 4 está disponível para PlayStation 4, Xbox One e com Windows. O novo “Naruto” traz um modo de jogo chamado “Ninja World Tournament”, que não estava presente em edições anteriores da franquia. O objetivo é colocar quatro jogadores em uma disputa para saber quem coleta mais pontos. Além disso, o game traz mais de 100 personagens da série e novas técnicas de luta.

O que mais me deixou espantado neste jogo é a transição entre o CG e o gameplay. Em certos momentos, a confusão em tela é tão grande que você não sabe se está desferindo aqueles golpes insanos, ou apenas assistindo uma animação. Do ponto de vista de qualidade gráfica, é um trabalho realmente impressionante. Mas na prática, pode atrapalhar um pouco no começo. Entretanto, depois que se acostuma, este dinamismo é que faz a experiência ser muito divertida.

Bom, para quem está acostumado com a série, isso não é nenhuma novidade. Mas agora, quero falar especificamente com quem nunca jogou nenhum título. Não se trata de um jogo de luta tradicional, estilo Street Fighter ou The King of Fighters. Aqui, os lutadores se enfrentam em um cenário muito maior e em três dimensões. As lutas são mais frenéticas também, como mostra o vídeo acima com os 15 primeiros minutos.

Naruto Shippuden: Ultimate Ninja Storm 4 utiliza vários elementos que pretendem passar a mesma sensação do anime para quem estiver jogando, é quase como um desenho interativo, como se eles fizessem uma nova temporada onde os jogadores pudessem decidir o que acontece naquelas lutas épicas.

Naruto: Ultimate Ninja Storm 4

Além do que já foi escrito a respeito dos gráficos, outro fator que corrobora para essa ideia é a divisão do jogo por capítulos, onde cada um deles representa uma batalha entre dois personagens importantes deste universo. Assim, entre uma luta e outra, o jogador vai conhecendo cada vez mais sobre a história destes ninjas e seus mitos.

A dublagem é perfeita e o áudio é muito competente de uma forma geral, mas senti falta de uma trilha sonora épica, mas impactante. Digo isto porque as batalhas possuem momentos onde o clímax é tão expressivo, têm ápices e reviravoltas tão interessantes, e a música não acompanha.

Gráficos10
Som7
Jogabilidade7.5
Diversão7.5
8

Pedro Cardoso

Carioca, jornalista e apaixonado por games, cinema e esporte. Jogo videogame desde o Atari.