Hearthstone completa três anos com muitas mudanças


A anunciou nesta sexta-feira (17) o aniversário de três anos de , que trará diversas e significativas mudanças na forma como jogamos o card game. Conhecido como o Ano do Mamute, este novo período que substitui o Ano do Kraken trará três expansões, cada uma com 130 cards diferentes. Uma será lançada no começo, outra no meio e a terceira no final do ano.

Veja também: Pokémon GO ganhará 80 novos personagens

Quem joga Hearthstone desde o começo, vai lembrar que a cada ano, o jogo recebeu pelo menos uma nova aventura, e uma nova expansão de cartas. A partir de agora, Hearthstone não receberá mais aventuras, mas a Blizzard prometeu que dará um jeito de contar histórias dos personagens, e do universo do game, através de missões especiais para os jogadores.

Hearthstone Ragnaros em Montanha Rocha Negra

Mudança no modo Padrão

Outra mudança importante será no modo Padrão do jogo, que será renovado toda vez que uma dessas novas expansões sair. Assim, as cartas da expansão em vigor, não valerão mais. Com essa medida, eles esperam manter o meta sempre dinâmico e “obrigar” os jogadores a não ficarem presos às cartas antigas.

Dito isto, saiba que quando o Ano do Mamute começar, além de retirar Montanha Rocha Negra, Grande Torneio e Liga dos Exploradores do Padrão, eles também vão proibir algumas cartas clássicas: Draco Lazúli, Sylvana Correventos, Ragnaros, Poder Esmagador, Lança de Gelo e Ocultar. De acordo com a publicação, estas cartas estão muito presentes em boa parte dos decks do meta, e não dão espaço para outras cartas novas com o mesmo valor.

Mais novidades em Hearthstone

Modo livre segue o mesmo, mas a Blizzard prometeu novidades, sem revelar mais nada. Além disso, uma nova ladina estará disponível, a Maiev Cantonegro. Para ganhá-la, basta vencer “10 partidas de Hearthstone nos modos Casual ou Padrão Ranqueado após o lançamento da próxima expansão”, segundo a postagem. Para finalizar, o game dará prêmios diários que incluem pó arcano, ouro e pacotes.

Share this post

Pedro Cardoso

Carioca, jornalista e apaixonado por games, cinema e esporte. Jogo videogame desde o Atari.