PCPS4Xbox One

Teste na BGS: Assassin’s Creed Origins

A demo de Assassin’s Creed Origins, disponível no estande da na 2017, é a mesma da Gamescom deste ano, que mostra um estágio avançado de desenvolvimento. É possível perceber que o game trará muito mais vivacidade para o ambiente e fluidez dos movimentos. Mais do que todos os jogos anteriores.

Veja também:

Pelo pouco tempo que é possível jogar nesses eventos, já foi possível perceber que a série evoluiu muito em diversos aspectos técnicos com a chegada deste título. Em Assassin’s Creed Origins, o protagonista conhecico como Bayek tem movimentos mais ágeis e os comandos são mais fáceis de serem executados.

Assassin's Creed Origins

Chama a atenção também o fato do jogo estar bem mais colorido do que os anteriores, o que é plausível com a retratação história do Egito antigo, período onde se passa a trama desta edição. E não são apenas as “cores” simplesmente. O trabalho artístico de uma forma geral parece impecável. Os barcos e casas possuem texturas convincentes, os vilarejos por onde o jogador passa são muito vivos e orgânicos.

De fato, esse tempo maior de desenvolvimento entre Assassin’s Creed Syndicate (que é bom) até o Assassin’s Creed Origins se mostrou uma decisão muito acertada. O novo título parece muito mais maduro e traz uma seridade para a série, que não é vista desde a época em que Ezio Auditore era o protagonista.

Diferente dos jogos anteriores, este não tem estruturas muito altas para escalar e esse não parece ser mais o foco da série, ainda que Bayek possua todos aqueles movimentos de Parkour característicos. É um jogo horizontal, e isso não é um problema. Em “Syndicante”, que tem uma Londres já industrializada, era trabalhoso atravessar a cidade com tantos “obstáculos”. Em “Origins” ir do ponto A até o ponto B parece muito mais natural.

Assassin's Creed Origins

Assassin’s Creed Origins será lançado para Xbox One, PS4 e PC em 27 de outubro e, como já foi dito, vai se passar no Egito Antigo, onde Bayek poderá atravessar o cenário de camelo, nadar embaixo d’água e até atirar em animais selvagens que podem por sua vida em risco. O game rodará em 4K nativo e HDR no Xbox One X.

Em uma das novas mecânicas de jogo, o protagonista poderá usar a sua águia de estimação para observar o cenário de cima e detectar onde estão os inimigos.

Assuntos

Pedro Cardoso

Carioca, jornalista e apaixonado por games, cinema e esporte. Jogo videogame desde o Atari.

Close