Cinema 2016 - Capitão América: Guerra Civil

Review: Capitão América: Guerra Civil

Todo hype valeu à pena, toda espera foi recompensada. Antes de começar a fazer qualquer análise, já adianto que : Guerra Civil é o melhor filme da de todos os tempos. Posto que antes era ocupado por Capitão América: Soldado Invernal. Parece que os irmãos russos acertaram de novo.

Veja também:

Ao contrário de Batman vs Superman, que entrega todas as melhores cenas do filme logo no trailer, a Marvel não mostrou nem 1% das melhores batalhas de Capitão América: Guerra Civil. Você realmente não está preparado para o que está por vir, e isso é muito bom.

De fato, e você já deve ter lido em muitos sites por aí, o Homem-Aranha rouba a cena para ele. Esqueça agora Tobey Maguire e Andrew Garfield, pois Tom Holland é o verdadeiro Peter Parker. O Homem-Aranha/Peter Parker tem um pouquinho mais de tempo de tela do que eu imaginava que seria, mas muito menos do que eu realmente gostaria. Finalmente vemos o amigão da vizinhança piadista, exagerado, acrobático, usando boa parte do potencial de seus poderes.

Homem-Aranha

O Pantera Negra é caracterizado como um personagem muito seguro de si, até arrogante em alguns pontos, mas também sábio e altruísta, como o personagem é nos quadrinhos. A participação do Homem Formiga é hilária, assim como a do Homem-Aranha. Os efeitos digitais estão muito melhores do que do seu filme solo e exploraram muito mais o limite de seus poderes. Inclusive, ele faz um movimento que ninguém esperava, o que deixou a plateia nerd bem empolgada na sala de onde eu assisti.

O vilão Helmut Zemo, vivido pelo ator Daniel Brühl, não é aquele Barão que estamos acostumados dos quadrinhos, mas é um dos melhores vilões já produzidos pelo MCU.  Ele é centrado, realista e elaborou um plano crível, simples e que adicionou um grande momento de tensão ao filme.

Alguns amigos comentaram comigo que Capitão América: Guerra Civil é o filme mais pesado do universo Marvel, e eu concordo. Ele lida com um assunto que exige sobriedade para trabalhar bem o enredo. Porém, é realmente como o alívio cômico é encaixado no momento certo para aliviar a tensão.

Capitão América: Guerra Civil

Por mais que eu tente encontrar apenas um problema neste filme eu não consigo. A trama é muito bem amarrada, o ritmo é perfeito, todas as cenas de ação estão fantásticas. A edição de som é outro aspecto que merece um destaque especial. Se possível, sente no meio da sala de projeção e assista com tecnologia IMAX, se tiver na sua cidade, para aproveitar todo o potencial.

Capitão América ou Vingadores?

O filme tem tantos elementos da trama que servem como uma continuidade ao que aconteceu em Vingadores: A Era de Ultron, que é difícil percebê-lo como um filme do Capitão América. Ele poderia, facilmente, ter o título de Vingadores: Guerra Civil. E o grande (porém bom e necessário) número de super-heróis na tela só reforça esta tese. Já li e ouvi em alguns lugares chamando este filme de Vingadores 2.5.

Creio que Capitão América: Guerra Civil é um filme que pode agradar todo o tipo de público. Ele presta um excelente serviço aos fãs da Marvel, que vão identificar várias cenas e características dos personagens dos quadrinhos, mas também vai divertir muito aquele espectador ocasional que só quer assistir um ótimo filme de ação com super-heróis.
10

Pedro Cardoso

Carioca, jornalista e apaixonado por games, cinema e esporte. Jogo videogame desde o Atari.