Ponami: estúdio do MS cria RPG com tema indígena


A Jogos Aurora, estúdio brasileiro de games, anunciou o lançamento de Ponami, um jogo RPG de plataforma com temática indígena. O game estará disponível gratuitamente para no dia 20 de março e contará a história de uma jovem arqueira das Cordilheiras. Confira mais detalhes da produção:

Veja também: Chuck Norris ganha jogo oficial para iOS e Android

A ideia do estúdio, ao desenvolver Ponami, foi a de levar para a plataforma móvel uma história complexa, com um roteiro original e um trabalho artístico que consiga cativar o público, “Nós estudamos muito a cultura inca, seus mitos e expressões artísticas para produzir o jogo e deixa-lo o mais fiel possível”, explica Marina Torrecilha, artista do jogo. “Tudo o que o jogador encontrará em Ponami está alí por uma razão e tem papel importante na construção da narrativa ou na imersão”, completou.

Ponami

Na história, o jogador vai acompanhar a guerreira Ponami na tentativa de defender o povoado onde cresceu dos ataques de criaturas místicas chamadas “Talástreas”. Os jogadores terão a oportunidade de vivenciar os mitos da região através da próspera civilização fictícia de Sajor. “Sempre gostamos dos jogos com histórias complexas e acreditamos que a América Latina é a região mais rica em mitologias e folclores, por isso se tornou nossa inspiração”, afirmou Pedro Schabib, programador e level designer em Ponami.

Ponami

Sobre a mecânica de jogo, o comunicado oficial revelou que o game foi inspirado nos jogos de plataforma da década de 90 e nos RPGs clássicos dos videogames. Após o lançamento, e ainda sem data, a Jogos Aurora prometeu que o jogo receberá expansões gratuitas, que “expandirão o universo de Ponami para outras culturas e civilizações”. Em resposta ao Videogame Mais, o estúdio disse que Vikings e Africana já estão definidas, e que estudam trazer algum mito da cultura brasileira.

Assuntos Android

Pedro Cardoso

Carioca, jornalista e apaixonado por games, cinema e esporte. Jogo videogame desde o Atari.