Geek

Primeiras impressões de Ghost in the Shell

Claro que 15 minutos não dá para avaliar o resultado de um filme, mas é possível ter uma noção do rumo ele vai tomar. Assistimos aos 15 primeiros minutos de A Vigilante do Amanhã: , que foi exibido antes da apresentação do anime de 1995, em sessão única na rede Cinemark. Confira abaixo minhas primeiras impressões.

Veja também: Filme Matrix poderá ter reboot em breve

Em primeiro lugar, é possível perceber que vários aspectos estéticos do anime estão presentes na produção de Hollywood. O filme traz aquele tom azulado e púrpura peculiar do desenho, com muito neon, aquela cidade imensa com uma poluição visual gritante e todos esses aspectos da visão de futuro que se tinha nos anos 1990.

Ghost in the Shell

Juntando o que foi mostrado nesses 15 minutos, com o trailer, é possível notar também que o filme seguirá um outro caminho narrativo em relação ao anime. Scarlett Johansson, no papel de Motoko Kusanagi, vai em busca de respostas sobre o seu passado, e tentar descobrir sobre os eventos que fizeram ela se transformar em um ciborgue e quem está por trás disso. Na animação, isso não é importante, não é o ponto central da trama.

Nesses 15 minutos, mostraram aquela cena da construção da Major, que é idêntica ao anime, e uma cena de ação inteira, aquela que aparece as gueixas robôs no trailer. A impressão que fica é que inseriram no longa diversas cenas iguais à animação para servir como “fan service”. Porém, em essência, será um filme totalmente diferente. E isso não é necessariamente ruim, pois fiquei realmente empolgado de voltar ao cinema para ver o filme completo.

Outra sensação que eu tive é que o filme será muito mais agitado, frenético, do que o anime de 1995. Enquanto a produção “original” é muito mais contemplativa e possui diálogos densos sobre a existência humana, parece que o foco do filme será mesmo as cenas de ação e as intrigas. Essa cena de tiroteio na sala de jantar, por exemplo, não existe no desenho animado, mas é executada com muita maestria.

O filme Vigilante do Amanhã: Ghost in the Shell tem direção de Rupert Sanders (Branca de Neve e o Caçador). No elenco, além de Scarlett Johansson (Major), temos: Takeshi Kitano, Juliette Binoche (Dra. Ouelet), Michael Pitt (Kuze), Pilou Asbæk (Batou), Kaori Momoi, Chin Han, Danusia Samal, Lasarus Rtuere, Yutaka Izumihara e Tuwanda Manyimo. A estreia no Brasil está marcada para 30 de março.

Assuntos

Pedro Cardoso

Carioca, jornalista e apaixonado por games, cinema e esporte. Jogo videogame desde o Atari.

Close