Destiny 2: Activision confirma game para 2017


A confirmou que o game será lançado ainda em 2017, e terá algumas mudanças em relação ao primeiro. De acordo com o comunicado, o título será mais atraente para jogadores casuais, sem perder a conexão com os jogadores mais hardcores, que acompanham a série desde o primeiro.

Veja também: GTA 4 é retrocompatível com Xbox One

O anúncio veio através de uma apresentação para investidores, na última quinta-feira (9). Na ocasião, o executivo da Activision, Eric Hirshberg, declarou: “A base de tudo isso é uma grande história cinematográfica. Esse é o nosso foco; teremos um grande elenco de personagens memoráveis e relacionáveis, juntamente com algumas maneiras muito agradáveis para tornar o jogo mais acessível a um jogador casual, sem perder nada que nossos jogadores hardcore amam”.

Destiny 2

A empresa também confirmou que Destiny 2 será lançado entre setembro e dezembro deste ano. Nenhuma outra informação foi divulgada, não sabemos quais as plataformas receberão o jogo, nem se os personagens do primeiro game voltarão para a sequência. Porém, diversos rumores já circulam com força na internet. Um deles diz que o subtítulo do game será “Forge of Hope”.

O mesmo rumor indica que os vilões principais serão os Cabais, e que uma sequência de eventos vão culminar em uma nova Incursão contra o grande líder desta raça. O texto publicado no Reddit indica que, possivelmente, a Torre e a última cidade serão dominadas pelos Cabais, e caberá a nós retomarmos o nosso lar. Eu não sei se isso é um rumor ou apenas um desejo de jogadores veteranos. Vamos aguardar as informações oficiais antes de comemorar.

Em novembro de 2016, publiquei um artigo com cinco desejos que quero que aconteçam em Destiny 2, como a solução para o mistério dos Nove, melhor desenvolvimento para o Porta-voz e menos itens consumíveis que se tornam inúteis a cada expansão. Mas o que eu não escrevi lá, é que também precisamos de uma solução para o destino da Rainha Mara Sov. E você, o que espera de Destiny 2?

Share this post

Pedro Cardoso

Carioca, jornalista e apaixonado por games, cinema e esporte. Jogo videogame desde o Atari.